AECambuí
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-2772
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» Comportamento.
» Comunicação
» Conselhos Úteis
» Consultas Boa Vista Serviço - SCPC
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» O que é Boa Vista SCPC?
» Promoção - SEU ANO DA SORTE 2022
» Serviços Prestados - AECAMBUÍ
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


VOLTAR
Comportamento.



Publicado em: 17/02/2021

“As organizações que terão sucesso no futuro serão aquelas que descobrirem como cultivar nas pessoas o comprometimento e a capacidade de aprender em todos os níveis da organização.

Uma equipe excelente não começou excelente - aprendeu a produzir resultados extraordinários. E muitas das pessoas que cultivam estes valores de aprendizagem contínua, encontram-se atualmente em cargos de liderança.

A comunidade de negócios global está aprendendo a aprender em conjunto, tornando-se uma comunidade que aprende. O exemplo dos japoneses impulsiona as empresas norte-americanas e europeias; as coreanas e europeias, por sua vez, impulsionam os japoneses. Se antes muitos setores eram dominados por um único e incontestável líder, hoje existem dezenas de excelentes companhias.

A Royal Dutch / Shell foi uma das primeiras grandes organizações a entender as vantagens da aceleração da aprendizagem organizacional. No início da década de 70, em meio às mudanças radicais e à imprevisibilidade da crise mundial do petróleo, a Shell era a mais fraca das sete grandes organizações petrolíferas; no final da década de 80, tornou-se a mais forte.

A disciplina da aprendizagem em equipe começa pelo diálogo, a capacidade dos membros de deixarem de lado as ideias preconcebidas e participarem de um verdadeiro pensar em conjunto. Para os gregos, ‘dia-logos’ denotava o livre fluxo de significado em um grupo, permitindo novas ideias e percepções que os indivíduos não conseguiram ter sozinhos.

A aprendizagem em equipe é vital, pois as equipes – e não os indivíduos – são a unidade de aprendizagem fundamental nas organizações modernas.Se as equipes não tiverem capacidade de aprender, a organização não a terá.

Quanto mais se aprende, maior é a consciência do tamanho da própria ignorância. Assim, uma organização não pode ser excelente no sentido de ter chegado a um estado permanente de excelência; encontra-se sempre no estado de praticar as disciplinas de aprendizagem, de se tornar melhor (ou pior). Uma organização que cultiva a aprendizagem contínua está constantemente expandindo sua capacidade de criar o futuro.”

Por: Cláudio Gama



notícias da mídia Notícias pesquisadas em jornais e sites.

AECambuí - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide